27/05/2010

Autorelacionamento

Um texto para refletir sobre o tipo de relacionamento afetivo consigo próprio.

Já ouviu falar que você não pode dar o que não tem? E que pela "Lei da Atração" não tem como receber o que não dá em troca?

Muito bem, é mais ou menos assim, segundo alguns exemplos práticos:

- Você é exigente e está sempre insatisfeita consigo mesma mas quer que o outro seja paciente e tolerante com as suas esquisitices e mimos;

- Você é excessivamente crítica e coloca a própria autoestima lá embaixo mas quer que o outro te elogie, aprecie, valorize e te idolatre o tempo todo;

- Você não olha para si e não reconhece sua autenticidade, mas quer que o outro adivinhe e preencha as suas necessidades individuais;

- Você não tem maturidade emocional, tão pouco autonomia para cuidar de si própria, mas quer que o outro cuide de você.

Reflita sobre as qualidades que você deseja no outro mas que não se dá para si própria.

Seja boa para você mesma e uma grande companheira sua

Apoie-se, aceite-se e acredite em si mesma incondicionalmente.

Preencha o seu próprio vazio interior e não se projete na relação a dois. Só então você poderá ter um relacionamento afetivo com uma pessoa que também saiba se cuidar e se respeitar.

Escolha ter um ótimo relacionamento com a pessoa mais importante: VOCÊ!

Por Silvia Parreira
*******************

AUTOESTIMA FEMININA - Guia Prático 📚
Um ebook completo, exclusivo e inovador de autoestima só para mulheres

*******************


EU, VOCÊ E A RELAÇÃO - Ebook 📚
Lições preciosas para superar um coração partido e para viver um relacionamento feliz e duradouro

*******************

Cursos e Programas Exclusivos

Cursos e Programas Exclusivos