14/07/2015

O Que Eu Aprendi Com Você

Dizem que todas as pessoas em nossa vida, desde um estranho, um conhecido, um amigo ou parente e até um relacionamento afetivo, todos eles vêm para nos ensinar algo.

Concordo que as relações são nossos espelhos. Concordo também que se não aprendermos a preciosa lição que qualquer relação traz, ela irá se repetir.

Assim vou listar aqui o que de mais significativo eu aprendi ao longo de 4 décadas com pessoas muito queridas, algumas admiráveis e outras nem tanto.

- Aprendi que ser diferente assusta, mas que  querer ser igual para ser aceita é totalmente impossível, porque isso vai contra a minha verdadeira natureza.
- Aprendi que a rejeição e o abandono dói, mas que na verdade nunca fui rejeitada pelo que eu era, mas pelo que queriam que eu fosse.
- Aprendi que ninguém te trai sem antes você se trair primeiro.  Lei da causa e efeito.
- Aprendi que se você não tem coragem de mudar, ser melhor e tirar da sua vida o que não serve mais para o seu crescimento ou propósito, a própria vida se encarrega de fazer as mudanças necessárias para o seu melhor. A vida cuida!
- Aprendi que somos o que fazemos na prática e não na teoria, em um discurso lindo porém  contraditório, vazio e incoerente com a ação.
- Aprendi a ter consideração e respeito por mim sem precisar da validação ou apoio alheio o que também raramente tive.
- Aprendi com as mentiras que me contaram a ser honesta para comigo mesma.
- Aprendi com o egoísmo a arte da compaixão.
- Aprendi com as ilusões a aceitar a verdade simples.
- Aprendi com a mediocridade a ser Grandeza.
- Aprendi com o negativismo a acreditar ainda mais em mim e na vida. 
- Aprendi com a ser prática, simples e funcional com pessoas que dificultaram tudo.
- Aprendi a seguir em frente e a persistir com as que desistiram.
- Aprendi a confiar em mim e nas minhas próprias escolhas,  diante de tanta indecisão humana.
- Aprendi que eu estava certa quando na sua opinião eu era errada.
- Aprendi com a crítica, a condenação culposa, o julgamento e os rótulos a ser livre.
- Aprendi com o tempo perdido que passei com pessoas negligentes e displicentes a valorizar cada momento presente na minha própria companhia.
- Aprendi que o amor não machuca, mas protege, ama e cuida.
- Aprendi a perdoar o imperdoável,  a suportar o insuportável e ainda sobreviver a tudo isso.
- Aprendi que algumas cicatrizes não têm cura e são para esta vida toda, mas que ainda é possível viver com leveza apesar delas existirem.
- Aprendi a ser luz na escuridão dos seus cantos mais sombrios.

Por Silvia Parreira
Aprendiz



Cursos e Programas Exclusivos de Coaching

Cursos e Programas Exclusivos de Coaching